((( WEB RÁDIO CONEXÃO )))

quinta-feira, 19 de dezembro de 2019

Clube5

NA ESTRADA

Nascido em 2015 do encontro de cinco jovens que frequentavam a escola de música em São Paulo, o Clube5 se prepara para lançar o primeiro álbum, Na Estrada, que chega às lojas e a todas as plataformas digitais a partir de dezembro.

William Teodoro foi quem deu o pontapé inicial no projeto em que todas as composições e arranjos são responsabilidade dos integrantes do grupo. Rock, Pop, Indie, MPB, Bossa Nova e até sertanejo fazem parte das influências do Clube5. "São cinco integrantes com gostos musicais completamente diferentes, mas o que poderia ser bastante conflituoso, ajuda a desenvolver e a criar um som único, porque todas as ideias se complementam," explica William, que, junto com Yasmin Tavares deu os primeiros passos para a formação da banda.

Dos primeiros encontros com a mineirinha Yasmim, de 19 anos, surgiram músicas como "Quando Eu Crescer". Depois vieram Luan Henrique, Gabriele Miranda e por último Bruno Matheus, dono de uma verdadeira preciosidade: um caderninho vermelho onde algumas das músicas da banda foram escritas, como por exemplo, "Na Estrada", faixa-título do primeiro disco da Clube5. No final de 2015 já tinham escrito cerca de 100 músicas, dentre as quais se destacam "Teoremas", "Independência", "A Chuva"  e "Perfume", todas incluídas no primeiro trabalho da banda, gravado nos estúdios da LGA, em São Paulo. Quem descreve bem o trabalho da banda é o produtor Antônio Ferreira Lima. "Todos cantam, todos compõem e todos se revezam em vários instrumentos, o que torna o show bastante dinâmico. A cada música a formação do grupo no palco é diferente".

Cinco jovens, cinco vozes, cinco cabeças diferentes, mas em comum o amor pela música e a vontade de criar algo especial a partir disso. "Clube5 é um projeto onde todos estão engajados a fim de tornar realidade um trabalho de arte sólido e significativo fruto da combinação de personalidades opostas que funde o caótico com o calmo e o grotesco com o belo", garante Bruno.


CONHEÇA OS INTEGRANTES DO CLUBE5

William Teodoro, paulistano, 23 anos, toca violão, guitarra, bateria, baixo, piano/teclado, viola e ukulele. O primeiro instrumento foi o violão, que começou a estudar aos 12 anos, influenciado por parentes que tocavam em barzinhos e festas. A inspiração sempre foi a dupla Zezé Di Camargo e Luciano, mas seu gosto musical vai de Beatles a Zé Ramalho, de Chitãozinho e Xororó a Roupa Nova. "Foi o Roupa Nova que me fez ter vontade de formar uma banda em que todos cantassem".

Yasmin Tavares, 19 anos, multiinstrumentista, é a baterista da banda. Mineira de Passos, sempre foi apaixonada por bateria, mas sua história com a música começou aos 7 anos quando ganhou um violão do padrinho. "Apesar disso, só comecei com as aulas aos 12 anos porque o que eu queria mesmo era estudar bateria".

Gabriele Miranda, paulistana, 19 anos, é a baixista da banda. O sonho de cantar vem da mãe, que chegou a começar na carreira, mas desistiu da profissão quando engravidou dos primeiros filhos.
Entrou para a banda pelas mãos da Yasmin com quem estudou no colégio e na escola de música. Foi lá que surgiu o interesse por outros instrumentos, além do violão que ela aprendeu a tocar na igreja junto com o pai. "Na escola de música eu descobri o baixo. O Luan me deu um de presente de aniversário que eu uso na banda e chamo carinhosamente de Steven. Gosto muito dele porque é um baixo de seis cordas, o que me dá a possibilidade de tocar notas mais graves do que os baixos mais populares de 4 ou 5 cordas", explica Gabriele.

Luan Henrique é mais um paulistano, 21 anos, fã incondicional do Metallica. As influências musicais vieram dos pais que tinham gostos musicais bastante diferentes. A mãe escutava rap, samba, pop, MPB. O pai adorava rock e suas diversas vertentes. "Esses dois lados me ajudaram a crescer com um gosto muito eclético. Hoje ouço de tudo e procuro apreciar toda a cultura envolvida em cada gênero musical", conta Luan, que é multi instrumentista, mas não esconde sua maior afinidade com a guitarra.

Bruno Matheus, 24 anos, paulistano, toca teclados, piano, ukulele e baixo. Tem uma forte ligação com a música desde pequeno quando passava horas no quintal da casa "tocando" seus instrumentos musicais de brinquedo. Aos 12 anos, depois da morte da avó, Bruno leu uma entrevista da vocalista da banda Evanescence, Amy Lee, onde ela dizia que a melhor forma de lidar com sentimentos ruins é escrevendo sobre eles e a partir daí começou a escrever suas próprias músicas.
Em 2013, ainda influenciado por Amy Lee, começou a estudar piano.
Além do Evanescence, as inspirações de Bruno vem de bandas como My Chemical Romance, Epica, Within Temptation, Nightwish, e cantores como Damien Rice, Fiona Apple e Bjork.




             Ana Gaio

quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

Camila Magalhães

Camila Magalhães, baiana de Salvador, desde cedo se identificou com a música, sempre presente com o seu canto nas festinhas e coral de escola; foi no Festival do Sartre Coc já adolescente, que se classificou nos primeiros lugares. Nesse mesmo festival  foi escolhida como a melhor intérprete, e na festa de premiação foi convidada a cantar ao lado do cantor de Axé Tomate.
Camila Magalhães cantou em diversos barzinhos e fez alguns shows, nesse momento entrega-se de corpo e alma nesse projeto musical, gravando diversas músicas inéditas.
Lançando no cenário brasileiro a música VOU PARA ITAPARICA, dos compositores Antonio Serravalle  e Luiz Serravalle.


Youtube:

Contatos:

Tel.: 71-987843673 (CEL/ZAP) 
Email: fenix2657@gmail.com

terça-feira, 3 de dezembro de 2019

Andreza

A cantora e "Andreza” nasceu no dia 07 de maio na cidade de São Paulo.
Dona de uma voz extremamente melodiosa e dona de beleza ímpar, canta e encanta à todos por onde passa deixando a marca de seu carisma, simpatia e humildade.
Desde menina mostrando seus dotes de boa cantora fez caminhos pela música até gravando alguns cds produzidos por gravadoras que a alguns anos tiveram destaque no mercado. Entre amigos artistas que já faziam sucesso procurou seu espaço e foi acertando o que realmente devia cantar para ter destaque no atual mercado que hoje é líder nos grandes canais de mídia radiofônica, o sertanejo de qualidade.

Youtube:
"Esse Gordinho é Meu" - "Andreza"

sexta-feira, 8 de novembro de 2019

Tica Paula

A cantora e compositora Tica Paula lançou em setembro de 2019 seu primeiro álbum. Todas as sete canções do disco são autorais. O processo de gravação do álbum “Tica Paula” durou sete meses entre o Brasil (Salvador) e a Suíça (Berna). Para este debut Tica contou com o produtor baiano Velho Marlon e outros músicos convidados como: Jorginho Trompete, do grupo Natiruts, Marcelo Braga, saxofonista do cantor Belo, Matheus Góes, maestro cerimonial Sob Medida,  a violoncelista Milena Salvatti, Sérgio Bacalhau, renomado percussionista de Marseille e Joabe Araújo.
“Hey Bro” é o primeiro single deste trabalho que já está a dar frutos e que, sem dúvida, promete conquistar admiradores na cena musical.

Youtube:

Facebook:

Contatos:
Tels.: 12 99188-6481 
11 5343-3160 

Email: 
crisrego@ticapaula.com

segunda-feira, 21 de outubro de 2019

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Yudi

Depois de gravar discos de hip hop e sertanejo, Yudi aposta no pagode romântico “Cancela”, que faz parte do EP “Pagode do Yudi”. O single foi composto por Yudi em parceria com Michel Alves e conta uma história vivida pelo cantor e apresentador. “É o trabalho mais maduro que fiz até hoje na música, sempre gostei de cantar pagode e está sendo uma realização, estou muito feliz que o público está abraçando isso”.

Clipe: